TÉCNICA DE OSCILAÇÕES FORÇADAS NA AVALIAÇÃO E MANEJO DE CRIANÇAS ASMÁTICAS: UMA REVISÃO NARRATIVA

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Marcos Brum A.
Caroline Lantmann
Giovani Zocche Junior
Ingrid Rodrigues F.
Amanda Santos
Frederico Friedrich
Morgana Carollo F.
Marcus Jones

Keywords

asma, oscilometria, criança

Resumen

A asma é considerada a doença crônica de maior incidência em crianças. As medidas de função pulmonar são importantes na avaliação da doença, podendo confirmar o diagnóstico pela demonstração de reversibilidade da obstrução assim como detectar riscos de mau prognóstico no controle da asma. Entretanto, os métodos mais usuais para análise da função pulmonar nesta faixa etária apresentam restrições em sua aplicabilidade, especialmente pela necessidade de cooperação por parte dos pacientes. A técnica de oscilações forçadas (FOT) é considerada uma ferramenta moderna capaz de estimar medidas da mecânica respiratória relativas aos pulmões. Este método apresenta fácil aplicabilidade pela baixa necessidade de cooperação do paciente, elemento importante na avaliação de crianças. O objetivo deste estudo é revisar a utilidade clínica da Técnica de Oscilações Forçadas na avaliação pulmonar de crianças asmáticas. A busca bibliográfica contemplou os anos entre 1950 e 2019, nas bases de dados: Medical Literature Analysis and Retrieval System Online (MEDLINE) e Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS). Foi utilizada como estratégia de busca a combinação dos seguintes Medical Subject Headings (MeSH) terms: “asthma”, “oscillometry” e “child” cruzados por meio dos conectores booleanos AND e OR. Em crianças asmáticas, a FOT mostrou maior acurácia na avaliação de vias aéreas periféricas de menor calibre, podendo ser aplicada como método complementar a espirometria para encorpar o diagnóstico, possibilitando compreender melhor a doença e sua progressão.


 

Abstract 27 | PDF Downloads 9 PDF English Downloads 6